0
  • Carrinho vazio

    Você não tem nenhum item no seu carrinho de compras

0
  • Carrinho vazio

    Você não tem nenhum item no seu carrinho de compras

Digite a palavra chave

post

Como a reprogramação mental equilibra as funções do cérebro

Como a reprogramação mental equilibra as funções do cérebro

Neste artigo, vamos refletir sobre a importância da reprogramação mental para o equilíbrio das funções cerebrais e, consequentemente, da saúde mental.

As emoções são um atributo do Espírito, porém elas necessitam do cérebro para se manifestar.

O cérebro do ser humano é o mais evoluído de todos os seres vivos do nosso planeta.

O cérebro é formado por três camadas sobrepostas, resultado do longo processo de evolução do ser humano, a partir das espécies animais que lhe antecederam.

A primeira camada é o chamado sistema R – o cérebro reptiliano, herdado dos répteis – formado pelo hipotálamo e pelos núcleos de base, onde se localizam os componentes neurológicos responsáveis pelas funções automáticas de sobrevivência.

O cérebro reptiliano é responsável pelo comportamento agressivo, a noção de espaço territorial e as primeiras noções de formação do grupo social.

Quando a pessoa cultua emoções agressivas gera uma energia mental muito tóxica, produzindo um comportamento reptiliano, ou seja, movimentos emocionais traiçoeiros, venenosos.

Leia ainda: COMO USAR A INTELIGÊNCIA EMOCIONAL PARA TRANSFORMAR A SUA VIDA

A segunda camada é o chamado sistema límbico – o cérebro que herdamos dos mamíferos – formado pelas estruturas tálamo e amígdalas do cérebro, responsáveis pelas emoções primárias, tais como o medo e a raiva, bem como a manutenção do grupo social e a organização gregária em grupos.

Quando uma pessoa se fixa emocionalmente no sistema límbico, torna-se extremamente emotivo, mas de uma forma muito passional tendo como base as emoções primárias como a raiva, tornando-se uma pessoa chamada de pavio curto que explode com facilidade. A sua energia mental está sempre em convulsão, ora se sente acuada por medos, ora irrita-se intensamente quando as coisas não saem como ela gostaria.

Quando a pessoa dá vazão a essas emoções egoicas, sensualistas e primitivas, que estão sediadas nas camadas mais primitivas do cérebro desequilibra intensamente a sua energia mental.

            A terceira e última camada é o chamado córtex cerebral responsável pela inteligência, pelo raciocínio, discernimento, linguagem, aprendizagem e pelas emoções nobres.

As funções mais nobres do Ser são realizadas pelo córtex cerebral, que é a última camada que surgiu no processo evolutivo, parte essa que o Ser Humano tem mais desenvolvido.

As emoções nobres, essenciais, são estimuladas nas camadas menos materializadas do nosso corpo fluídico, ligadas ao córtex pré-frontal.

É nessa região que os neurocientistas descobriram o chamado ponto de Deus, localizado nos lobos temporais.

As pesquisas com neuroimagens demonstram que ao se pensar em Deus, no amor ou em outro sentimento nobre essa área se ilumina.

Quando o Ser Humano eleva o seu padrão vibratório por meio das emoções superiores, as células produzem substâncias neurotransmissoras que equilibram a mente.

Por isso, é muito importante para todos aqueles que querem viver com mais equilíbrio reprogramar a mente para se libertar das emoções primárias, por meio do desenvolvimento das emoções superiores para que o nosso cérebro funcione de uma maneira mais harmonizada.

As ligações neuronais funcionam de forma semelhante, tanto na sensualidade como nas emoções superiores, o que varia é o resultado produzido: as emoções sensualistas estimulam os movimentos egoicos, gerando desequilíbrio e as emoções superiores os movimentos essenciais, geradores de equilíbrio e autocura.

O cérebro acende, ilumina-se, quando a pessoa ascende. Ao ascender, nos elevar e evoluir, o nosso cérebro se ilumina.

O cérebro é esse órgão maravilhoso que serve de instrumento à energia mental do Espírito.

Nós podemos utilizar a energia mental tóxica proveniente de pensamentos e sentimentos negativos para desequilibrá-lo, tanto quanto podemos utilizar a mesma energia mental, procedente dos pensamentos e sentimentos nobres para iluminá-lo e ascender.

Para ascender é fundamental desenvolver o amor.

O processo é irresistível e automático.

Quando nós vibramos amor o cérebro se ilumina de forma automática, produzindo os chamados neurotransmissores, tais como as endorfinas, serotonina, dopamina, noradrenalina etc. com equilíbrio para que possa funcionar adequadamente e controlar as funções de todo o corpo.

Somos convidados a tomar contato com os nossos pensamentos e sentimentos para que, por meio da vontade possamos nos libertar do negativismos gerador da energia mental tóxica e gerarmos saúde mental e emocional para nós mesmos

Tomarmos consciência disso faz parte do nosso dever de humanidade.

Na condição de Seres Humanos nós temos o dever de cada vez mais nos humanizar, e a humanização se dá pela consciência plena dos pensamentos  que levam à evocação dos sentimentos nobres, a virtudes essenciais da vida.

 Se gostou do artigo, compartilhe-o. Deixe o seu comentário sobre o que você achou deste artigo, ou a sua pergunta, se tem alguma dúvida. Sugestões de temas para futuros artigos também são bem-vindos!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Olá!
Precisa de ajuda?
Powered by